Ponte Preta segura empate com Sampaio Correa e segue sem vencer fora na Série B

Published on

A Ponte Preta chegou ao quarto jogo sem vitória no Campeonato Brasileiro da Série B. Em mais uma exibição apática, na qual contou com a sorte contra o atacante Pimentinha que tentou de todas as maneiras, o time campineiro conseguiu segurar um empate sem gols com o Sampaio Corrêa, no neste noite no Estádio Castelão, no fechamento da oitava rodada.

Com o resultado, a Ponte Preta segue na 17ª colocação, na zona de rebaixamento com sete pontos. Em oito jogos, a equipe venceu apenas uma vez. Já o Sampaio Corrêa perdeu a chance de embalar uma sequência de vitórias e vem logo à frente, em 14º, com nove pontos ganhos.

O primeiro tempo começou muito estudado e faltoso no meio-campo. Tanto que a primeira chegada de real perigo aconteceu apenas aos 32 minutos. Pimentinha fez a fila do lado direito da Ponte Preta e bateu chapado. A bola ainda desviou em Edson antes de explodir na trave, evitando o que seria o primeiro gol do Sampaio Corrêa. Aos 47 minutos, Pimentinha chutou no alto e Caíque França evitou o gol.

Na volta para o segundo tempo, o Sampaio Corrêa seguiu em cima e Caíque França, com grandes defesas, seguiu segurando o empate para a Ponte Preta. A Ponte Preta ainda teve duas boas chances com Pablo Dyego. A primeira, aos 30 e a outra aos 40 minutos. Nesta altura, o melhor era mesmo segurar o empate.

Os dois times voltam a campo no próximo final de semana para a disputa da nona rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. No domingo, a Ponte Preta recebe o Vila Nova, no estádio Moisés Lucarelli, às 11h da manhã. Já na segunda-feira, o Sampaio Corrêa visita a Chapecoense, na Arena Condá, às 20h.

FICHA TÉCNICA

SAMPAIO CORRÊA 0 X 0 PONTE PRETA

SAMPAIO CORRÊA – Luiz Daniel; Mateus Pivô, Gabriel Furtado, Gustavo Henrique e Vitinho; Maurício, Neto Paraíba (Rodrigo Souza), Eloir (Venícius Cascais) e Marcinho (Rafael Vila); Pimentinha e Vinicius Alves (Bill). Técnico: Márcio Fernandes.

PONTE PRETA – Caíque França; Luiz Felipe, Edson (Thomás Kayck), Mateus Silva e Júnior Tavares; Léo Naldi (Ramon Carvalho), Felipe Amaral, Feliphinho e Matheus Jesus (Cássio Gabriel); Pablo Dyego e Dudu (Gui Pira). Técnico: Felipe Moreira.

CARTÕES AMARELOS – Mateus Pivô (Sampaio Corrêa) e Edson, Feliphinho, Luiz Felipe e Mateus Silva (Ponte Preta).

ÁRBITRO – Bruno Pereira Vasconcelos (BA).

RENDA E PÚBLICO – Não disponíveis

LOCAL – Estádio Castelão, em São Luis (MA).

LEIA TAMBÉM

Companhia aérea encontra mala de Bia Haddad em Guarulhos após apelo nas redes sociais

A companhia aérea Swiss Airlines encontrou a mala que pertence à tenista Beatriz Haddad...

Fome atinge 8,4 milhões no Brasil, mostra estudo da ONU

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Um estudo de cinco agências da ONU mostra...

Corinthians retoma ‘plano Gabigol’ e espera parceiro por reforço de peso

SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O atual presidente do Corinthians, Augusto Melo, não desistiu do...