Vandalismo e tumulto durante volta da praia no Rio

Published on

 


Homens viajam pela traseira do ônibus


|  Foto:
Reprodução

 

O fim de semana com altas temperaturas fez com que os cariocas saíssem para ir à praia neste verão. No entanto, a volta para casa trouxe à tona problemas que são frequentes nesta época do ano, como o vandalismo no transporte público. 

Em Copacabana, o cenário era de tumulto na noite deste domingo (15). Na Avenida Nossa Senhora de Copacabana, um homem bloqueia um ônibus colocando duas bicicletas na frente. Enquanto o motorista é impedido de prosseguir, uma multidão tenta entrar pelas janelas e portas do transporte.

 


Domingo com alta temperatura atraiu banhistas para as praias das cidades

  

A PM apontou que os batalhões estão atuando nas orlas da Zona Sul do Rio com emprego de motos, viaturas, tendas e quadriciclos realizando policiamento ostensivo, abordagens e escoltas de ônibus coletivos com destino a Zona Norte, no final do dia.

Além disso, a implantação da Operação Verão, mobiliza cerca de mil policiais aos finais de semana.

A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) e a Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) também informou que conta com um efetivo de 440 agentes, sendo 89 atuando exclusivamente no monitoramento do trânsito, com atenção especial aos finais de semana e feriados, quando o movimento nas praias é maior.

A Marinha do Brasil informou empregou 798 militares, 49 embarcações, 20 motos aquáticas e 43 viaturas, para segurança de navegações, de pessoas no mar e também para prevenção da poluição ambiental proveniente de embarcações nesta época.

 


Motorista é impedido de sair com veículo
Reprodução

  

Em outro registro, três vândalos se penduram na parte traseira de um BRT na Zona Oeste do Rio. Durante o trajeto, dois homens caem e um deles bate a cabeça no chão. Já dentro do ônibus, havia superlotação e passageiros estavam até no teto do ônibus.

Procurada, a MOBI Rio informou que o motorista foi avisado por passageiros, próximo à estação Mato Alto, que uma pessoa que viajava no teto do articulado havia batido a cabeça na estação. Ao parar o articulado da linha 10 (  Santa Cruz x Alvorada) para verificar o que havia ocorrido, o próprio vândalo que estava em cima do teto avisou que os outros rapazes praticavam atos de vandalismo e imprudência viajando atrás do articulado haviam caído. De acordo com a PM, não houve acionamento para a ocorrência.

More like this

Abel Ferreira é ‘provocado’ por marca de carros elétricos após dizer que não gosta dos modelos

Abel Ferreira criou polêmica ao dizer que não gosta de carros elétricos. A fala...

Uefa abre investigação contra o Barcelona após prisão de dois torcedores em jogo com o PSG

A Uefa abriu um processo disciplinar contra o Barcelona após o episódio em que...

Ricardo Nunes recua sobre instalação de 1,5 mil radares em São Paulo

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), vetou o aumento de radares eletrônicos...