Covid longa. Estas pessoas estão em maior risco de desenvolver a doença

Published on

Existe um grupo de pessoas que está em maior risco de desenvolver Covid longa. Segundo um novo estudo publicado na revista Scientific Reports, quem não pratica exercício físico está mais propenso a ter sintomas prolongados de Covid-19.

Uma investigação da Kaiser Permanente Bernard J. Tyson School of Medicine, em Los Angeles, nos Estados Unidos, já havia revelado que a prática de alguma atividade física ajudava proteger contra doença grave relacionada com a Covid.

O recente estudo realizado pela faculdade de medicina da Universidade de São Paulo mostrou que a falta de exercício é considerado um fator de risco. A investigação analisou 749 pacientes durante alguns meses.

Entre os doentes que não faziam qualquer tipo de exercício, 70% dos casos apresentou cinco ou mais sintomas relacionados com a Covid longa. Fadiga, dores musculares, falhas de memória, perda de olfato e perda de paladar foram alguns dos sinais identificados.

 

More like this

Abel Ferreira é ‘provocado’ por marca de carros elétricos após dizer que não gosta dos modelos

Abel Ferreira criou polêmica ao dizer que não gosta de carros elétricos. A fala...

Uefa abre investigação contra o Barcelona após prisão de dois torcedores em jogo com o PSG

A Uefa abriu um processo disciplinar contra o Barcelona após o episódio em que...

Ricardo Nunes recua sobre instalação de 1,5 mil radares em São Paulo

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), vetou o aumento de radares eletrônicos...