Morre Manhoso, da Companhia do Rio, da Rádio Tupi

Published on

 


Manhoso estava internado no Hospital Estadual Azevedo Lima


|  Foto:
Reprodução

 

O cantor Edson Fonseca, conhecido como Manhoso, de 87 anos, morreu neste sábado (7) após ficar internado no Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal), no Fonseca, onde travava um coágulo no cérebro. A confirmação do óbito foi feita por familiares. 

Atualmente ele morava em Maricá. Procurada, a família do artista ainda não confirmou o local e data do sepultamento.

Natural de Minas Gerais, Manhoso nasceu na cidade de Tombos, na Zona da Mata Mineira, a 5 km da divisa com o estado do Rio de Janeiro. Ele veio  para o Rio de Janeiro em 1960 e se instalou em Queimados. Conseguiu um emprego na TV Tupi como porteiro e depois como mimeografista.

Com sua experiência de cantor e contador de piadas, Manhoso chegou a gravar 15 Lp’s e ficou conhecido com  as músicas “Festa da Rabada”, “Só Capim Canela” e “Bem Feito, Quem Mandou Votar no Homem”.

Conhecido por músicas de duplo sentido. Ele também integrou o programa Companhia do Riso, na Super Rádio Tupi, de 2006 a 2016. O programa ia ao ar aos sábados de 22h a meia noite. Era apresentado por Luizinho Campos.

More like this

Motorista tenta atropelar ladrão com Lamborghini após ser roubado e bate o carro em SP

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um motorista destruiu a frente de sua Lamborghini ao...

76% das escolas estaduais já retomaram as aulas no Rio Grande do Sul

FRANCISCO LIMA NETOSÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após a suspensão das aulas em todas...

RS: eleitor tem até quinta-feira para regularizar ou transferir título

Os eleitores do Rio Grande do Sul têm até a próxima quinta-feira (23) para...