PMs são afastados das ruas após morte de catador na Cidade de Deus

Published on

 


Homem morreu durante uma operação na comunidade


|  Foto:
Marcelo Tavares


  

Os policiais envolvidos na morte do catador de recicláveis Dierson Gomes da Silva, de 50 anos, foram afastados das ruas. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (6) pela Polícia Militar. 

Ainda segundo a corporação, um procedimento apuratório foi instaurado para averiguar as circunstâncias da ocorrência. O caso segue em investigação pela Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) e é acompanhado pela Corregedoria-Geral da Corporação. 

O caso

Dierson morava na comunidade da Cidade de Deus desde criança, onde o crime ocorreu. Ele era catador de material reciclável e, no dia, vendeu alguns itens e tinha conseguido pouco mais de R$ 100.

A família dele alega que ele não tinha envolvimento com o crime. Ele foi morto depois que um pedaço de madeira, que estava em sua mão, foi confundido pelos policiais com um fuzil. 

De acordo com policiais do 18º BPM (Jacarepaguá), uma equipe da unidade se deslocava pela localidade do Pantanal, área com histórico de conflitos, quando se deparou com um homem conduzindo o que aparentava ser um fuzil, pendurado em uma bandoleira, espécie de corda que prende o armamento ao corpo. Os policiais efetuaram disparos e o atingiram. O ferido não resistiu. 

A operação contou com o apoio do Comando de Operações Especiais (COE) – através do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do Batalhão de Ações com Cães (BAC), realizam uma operação na comunidade.

Segundo a PM, durante as ações, os policiais foram atacados a tiros em diversos pontos da comunidade e equipes do Bope apreenderam um fuzil calibre 5,56.

More like this

Cidade do interior de SP utilizará energia solar para abastecer 199 prédios públicos

(FOLHAPRESS) - Todos os imóveis ligados à Prefeitura de Hortolândia, a 97 km da...

Valencia pede adiamento de jogo após trágico incêndio em bairro da cidade

O Valencia emitiu um comunicado nesta sexta-feira, expressando pesar pelo trágico incêndio ocorrido em...

João Fonseca, sensação do Rio Open, já foi nº 1 do mundo e agora tem dilema pela frente

O grande nome deste Rio Open é campeão de Grand Slam e já foi...