PM confunde fuzil e mata homem durante operação na Cidade de Deus

Published on

 


Policiais na frente da comunidade


|  Foto:
Marcelo Tavares


  

Um homem morreu ao ser baleado na localidade conhecida como Pantanal, durante uma operação da Polícia Militar, na manhã desta quinta (5), na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio. Segundo as primeiras informações, ele seria catador de produtos recicláveis e teria sido atingido por um policial que o teria visto com um fuzil.

Relatos de moradores da região dão conta de que o homem, Dierson Gomes da Silva, de 51 anos, conhecido na comunidade como Lord, teria problemas mentais e estaria em casa com um pedaço de madeira, objeto que pode ter levado o policial ao erro durante o disparo. 

 


Operação na Cidade de Deus, Catador de lixo morto


|  Foto:
Marcelo Tavares


  

Agentes da Divisão de Homicídios da Capital (DHC) foram acionados e realizaram a perícia técnica. O corpo será levado para o Instituto Médico Legal (IML) do Centro.

“Ele trabalhava com reciclagem . Essa é a realidade de quem foi executado pela polícia militar, ao confundir uma madeira com uma arma. Cadê os políticos que dizem proteger e cuidar da nossa comunidade? São todos farinha do mesmo saco, tal qual o senhor Cláudio Castro. Agora entendemos o porquê do senhor não querer câmeras nos batalhões especial. Isso é um esculacho com os moradores das comunidades, que assim como o povo da Zona Sul lhe elegeu”, publicou um morador em uma rede social.

De acordo com policiais do 18º BPM, uma equipe da unidade se deslocava pela localidade do Pantanal, área com histórico de conflitos, quando se deparou com um homem conduzindo o que aparentava ser um fuzil, pendurado em uma bandoleira, espécie de corda que prende o armamento ao corpo. Os policiais efetuaram disparos e o atingiram. O ferido não resistiu. 

 


Ação também retirou bloqueios de criminosos na região


|  Foto:
Marcelo Tavares


  

Policiais do 18º BPM (Jacarepaguá), com o apoio do Comando de Operações Especiais (COE) – através do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do Batalhão de Ações com Cães (BAC), realizam uma operação na comunidade.

Segundo a PM, durante as ações, os policiais foram atacados a tiros em diversos pontos da comunidade e equipes do Bope apreenderam um fuzil calibre 5,56.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a Clínica da Família José Neves, na região da Cidade de Deus, acionou o protocolo de acesso mais seguro e, para segurança de profissionais e usuários, interrompeu o funcionamento na manhã desta quinta-feira (5).

A Secretaria Municipal de Educação informou que foram impactadas cinco escolas na Cidade de Deus, que se encontram em atendimento administrativo, devido às férias  escolares.

LEIA TAMBÉM

Seleção feminina perde do Japão e disputa 3º lugar na Liga das Nações de vôlei

Após uma campanha perfeita, com 13 vitórias em 13 jogos na Liga das Nações,...

Lando Norris desbanca Vertappen e conquista a pole no GP da Espanha de F-1

Lando Norris conseguiu superar um susto para conquistar a pole para o GP da...

Pais de criança com doença rara acionam Justiça para que União compre remédio de R$ 15 mi

PATRÍCIA PASQUINISÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A família de Murilo Gabriel Costa Nascimento, 4,...