Pais são presos por abusar dos filhos e divulgar vídeos na internet

Published on

 


A ação da Polícia Federal ocorreu na manhã desta quinta-feira (5)


|  Foto:
Divulgação/PF

 

Um casal foi preso acusado de abusar sexualmente dos próprios filhos, em Paraty, Costa Verde do Rio. A ação da Polícia Federal ocorreu na manhã desta quinta-feira (5). Foram apreendidos quatro celulares, câmera filmadora e equipamento de filmagem.

As investigações foram iniciadas a partir de informações repassadas pela Agência da União Europeia para a Cooperação Policial (Europol) ao Serviço de Repressão a Crimes de Ódio e Pornografia Infantil da Polícia Federal (Sercopi/PF).

Os policiais federais apuraram vídeos divulgados no exterior de abusos sexuais cometidos contra crianças que seriam brasileiras. A PF identificou a mãe e as vítimas, todos moradores de Paraty, onde os crimes ocorriam. O filho tem 6 anos e a filha 1 ano e 3 meses.

Uma equipe da Delegacia de Polícia Federal em Angra dos Reis (DPF/ARS) cumpriu dois mandados de prisão contra a mulher e o homem suspeitos de abusar sexualmente das crianças e divulgar as cenas dos abusos na internet, além de dois mandados de busca e apreensão deferidos pela Justiça Federal.

Os presos responderão pelos crimes de estupro de vulnerável, artigo 217-A do Código Penal, e compartilhamento e armazenamento de pornografia infantil, respectivamente os artigos 241-A e 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente. Caso sejam condenados, eles podem pegar pena máxima de 25 anos.

O nome da operação, “Non Matri”, significa “não é mãe” em latim.

More like this

UFRJ diz estar ‘respirando por aparelhos’ e pede socorro ao governo; alunos anunciam greve

(FOLHAPRESS) - A situação financeira da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) é...

Recém-nascida é atingida por bala perdida quatro horas após nascer

Uma recém-nascida foi atingida na cabeça, de raspão, por uma bala perdida, apenas quatro...

Juros recuam, mas rotativo do cartão sobe, atingindo 423,5% ao ano

A taxa média de juros das concessões de crédito para famílias teve pequena redução...