Mulher acusada de matar companheiro é presa em Niterói

Published on

 


Mulher é acusada de ter fugido para Niterói após o crime


|  Foto:
Reprodução


  

Ludmila Veiga da Silva foi presa, nesta terça-feira (03), por policiais da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Niterói, acusada de ter matado o companheiro em Cachoeira de Macacu, município próximo a Nova Friburgo, na Região Serrana. A mulher é suspeita de ter esfaqueado e asfixiado a vítima depois de uma discussão, na casa do casal, na localidade chamada Japuíba, no final do ano passado. 

Segundo os policiais civis, a acusada do crime teria ainda escondido o corpo do homem e jogado produtos químicos sobre o corpo para mascarar o cheiro de decomposição. Ainda de acordo com a DPCA, os agentes obtiveram a informação de que Ludmilia fugiu após o crime para Niterói, onde ela estava em um hotel no Centro da cidade. 

A acusada foi presa porque havia uma mandado de prisão temporária expedido pela Justiça contra ela, que será encaminhada ao sistema prisional do Estado do Rio. 

More like this

Pai de Verstappen revela tensão na Red Bull e teme ‘racha’ como desdobramento do ‘caso Horner’

Christian Horner, chefe da Red Bull, tem deixado um clima tenso na equipe após...

Presidente da FIFA se opõe ao cartão azul

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A proposta de introduzir o cartão azul no futebol...

Homem rouba correntes de ouro, engole e é preso no mar em Salvador

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Um homem foi preso dentro do mar apontado como...