Suspeito de matar menino de 11 anos morre em operação policial

Published on


Juan Davi tinha 11 anos e assistia a queima de fogos


|  Foto:
Reprodução

 

O suspeito de estar envolvido na morte de Juan Davi, de 11 anos, foi baleado e morto em uma operação policial nesta terça-feira (3) na Chatuba, em Mesquita. Ele chegou a ser socorrido ao Hospital Geral de Nova Iguaçu, mas não resistiu ao ferimento. Sua identificação não foi revelada. 

Na ação que culminou na morte do suspeito, os militares foram acionados através do Disque-Denúncia. Um fuzil, uma pistola, radiotransmissores, munição, uma capa de colete e drogas foram apreendidos pelos agentes.  

Leia+: Menino de 11 anos morre baleado na virada em Mesquita, na Baixada

Juan foi assassinado na virada de ano, enquanto assistia à queima de fogos com a família, em Mesquita, na Baixada Fluminense. Ele foi levado por familiares à UPA de Edson Passos, mas não resistiu.

O caso foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), que vai seguir com as investigações. Testemunhas estão sendo ouvidas e outras diligências estão em andamento para apurar a origem do disparo que atingiu Juan.

LEIA TAMBÉM

Seleção feminina perde do Japão e disputa 3º lugar na Liga das Nações de vôlei

Após uma campanha perfeita, com 13 vitórias em 13 jogos na Liga das Nações,...

Lando Norris desbanca Vertappen e conquista a pole no GP da Espanha de F-1

Lando Norris conseguiu superar um susto para conquistar a pole para o GP da...

Pais de criança com doença rara acionam Justiça para que União compre remédio de R$ 15 mi

PATRÍCIA PASQUINISÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A família de Murilo Gabriel Costa Nascimento, 4,...