Sem Neymar e Messi, PSG perde ivencibilidade para Lens, mas mantém liderança

Published on

Sem Neymar, suspenso, e Messi, de folga após conquistar a Copa do Mundo com a seleção da Argentina, o Paris Saint Germain fez o duelo de líderes com o Lens e acabou perdendo por 3 a 1, neste domingo, no Stade Felix Bollaert, pela 17ª rodada do Campeonato Francês. Com isso, a diferença para o rival na liderança caiu para apenas quatro pontos.

A partida contou também com homenagem a Pelé, que morreu na última quinta-feira. No telão, apareceu a foto do Rei com os dizeres: “Era um rei, Pelé”. Foi respeitado também um minuto de silêncio.

Com a vitória, o Lens quebrou uma série do PSG de seis vitórias consecutivas no campeonato e chegou aos 40 pontos, quatro da liderança do campeonato. O Olympique de Marselha completa a zona da Liga dos Campeões, com 33.

Foi a primeira derrota do PSG na atual temporada. O time não perdia desde 20 de maio, quando caiu diante do Monaco por 3 a 0. Era 38 jogos – 31 vitórias e sete empates – sem revés.

Sem Neymar e Messi, Christophe Galtier povoou o meio de campo e escalou Ekitiké ao lado de Mbappé. O francês, de apenas 20 anos, marcou, mas antes do PSG saiu atrás do placar, em começo eletrizante da partida. Logo aos quatro minutos, Sotoca cruzou para Haidara, que parou em Donnarumma. No entanto, Frankowski pegou a sobra e fez 1 a 0.

O empate saiu aos sete minutos. Mukielé evitou a saída de bola e deu para Ekitiké deixar tudo igual, mas o Lens estava disposto a atrapalhar a vida do Lens. Em bela trama de contra-ataque, Openda passou fácil por Marquinhos e tocou na saída de Donnarumma.

Sem duas de suas principais estrelas, o PSG se perdeu em campo e viu a situação piorar no início do segundo tempo, quando o Lens marcou o terceiro logo aos dois minutos. O time da casa marcou pressão e forçou o erro de Fabián Ruiz. Openda ficou com a bola e deu de calcanhar para Claude-Maurice marcar.

O jogo ficou aberto e ambos os times criaram oportunidades de colocar a bola nas redes, mas o dia não era mesmo do PSG e de Mbappé. Bem marcado, o atacante francês não conseguiu decidir. Com isso, o Lens conseguiu administrar a vantagem para confirmar a vitória que o deixa vivo na briga pelo título nacional.

Mais cinco jogos foram realizados neste domingo, o Lyon (8º) perdeu para Clermont (9º) por 1 a 0, enquanto o Monaco subiu para o quarto lugar ao bater o Brest (17º) por 1 a 0, mesmo resultado do triunfo do Nantes (14º) sobre o vice-lanterna Auxerre.

Por fim, o Tolouse (12º) derrotou o Ajaccio (16º) por 2 a 0, e Lorient (6º) colocou um fogo na briga pelo terceiro lugar ao fazer 2 a 1 no lanterna Angers, que conheceu sua nona derrota consecutiva na competição.

More like this

Pai, filho e piloto morrem em queda de aeronave na Bahia

Três pessoas morreram, este sábado (2), após a queda de um avião no município...

Regina Volpato admite desafio grande com novo programa no SBT: ‘Sei que falta tradição’

GABRIEL VAQUERARACAJU, SE (FOLHAPRESS) - Em junho de 2023, a vida de Regina Volpato...

Fornecedores deverão disponibilizar prazo máximo de entrega de produtos e serviços

Medida complementa a Lei 3.669/01, que já determinava a obrigatoriedade de fixação de data e turno para entrega, inclusive estipulando multa The post Fornecedores deverão disponibilizar prazo máximo de entrega de produtos e serviços appeared first on Super Rádio Tupi.